Quinta-Feira, 29 de Outubro de 2020

Dia Trágico: Mãe de Isabele Ramos relata últimos momentos com a filha

Adolescente acordou tarde, não almoçou e foi para a casa das amigas fazer uma torta; saiu de lá no carro do IML

DA REDAÇÃO

A mãe de Isabele Guimarães Ramos, de 14 anos, Patrícia Hellen Guimarães, relatou à Polícia Civil como foram os últimos momentos com a filha, antes da tragédia. A adolescente acordou naquele domingo por volta das 13h. Segundo Patrícia, a filha tomou café da manhã e acabou não almoçando. Por volta das 14h foi para a casa das amigas, a cerca de 500 metros de onde morava, no mesmo condomínio, o Alphaville 1, no bairro Jardim Itália, em Cuiabá. Ela foi chamada para fazer uma torta.

Patrícia relatou que às 20h43 ligou para Isabele e pediu que ela voltasse para casa. A adolescente afirmou para a mãe que estavam fazendo um risoto, que ela iria jantar e, logo em seguida, iria embora.

Às 22h Patrícia foi chamada pela mãe das amigas de Isabele, Gaby Cestari, que foi de carro até sua casa falando que havia acontecido um acidente com a adolescente, mas sem falar exatamente o que.

Patrícia relatou à Polícia Civil que Isabele e a adolescente B.C., responsável pelo disparo, ficaram amigas há cerca de dois anos. Diz que B. ia às vezes a sua casa, mas geralmente era Isabele que ia até a casa dos amigos, por ser mais “movimentada”.

Isabele morava com a mãe e o irmão de 12 anos. O pai morreu há dois anos, em um acidente de moto na estrada para Chapada dos Guimarães. Já na casa do Cestari, além do pai, Marcelo, e da mãe Gaby, havia os trigêmeos de 14 anos e a irmão mais velha, de 17 anos. Além disso, a casa era constantemente frequentada pelos namorados das adolescentes.

Patrícia ainda contou à polícia que a filha dizia que B. havia mudado muito após iniciar o namorado em dezembro do ano passado. Dizia que o namorado da amiga era ciumento e possessivo e chegou a definir o relacionamento como “tóxico”. Neste período, ela teria se aproximado mais da irmã de B., também de 14 anos.

Mas durante a pandemia, as adolescentes teriam voltado a ficar mais próximas. 

Patrícia disse desconhecer qualquer briga entre Isabele e a amiga responsável pelo disparo da arma.

FONTE: https://www.reportermt.com.br/geral/mae-de-isabele-ramos-relata-ultimos-momentos-com-a-filha/119024

COMPARTILHE ESSE POST

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Com muito ❤️ por go7.site
⚙️