Do Consultório à Cozinha: Dentista Cuiabano dribla desemprego na pandemia e vira pipoqueiro gourmet

Hoje a venda de pipocas é a principal fonte de renda de Fábio Augusto que investiu e acreditou na mudança.

MAJU SOUZA
DA REDACÃO

Devido à pandemia do novo coronavírus, a vontade de empreender e se reinventar, para driblar a crise surgiu em muitas pessoas. O dentista Fábio Augusto da Conceição, de 23 anos, se viu nesse momento crítico e encontrou na pipoca uma solução para seus problemas.

Pipocas gourmet salvaram a vida financeira do dentista.

Ele precisava aumentar a renda da família, ajudar pagar as contas, que foram afetadas com a crise ecônomica proveninente dos estragos da covid-19. Apesar de já ter uma profissão, Fábio ficou sem trabalho devido ao isolamento social e resolveu se aventurar, e ganhar dinheiro, com as pipoca gourmet. Uma amiga de trabalho do dentista, que mostrou o produto, e assim ele descobriu o diferencial das pipocas. 

Empolgado com a nova experiência, Fábio decidiu ir para Limeira, em São Paulo, para fazer o curso de pipocaria. Durante a trajetória de estudos e técnicas, ele descobriu que o mundo das pipocas gourmet podia transformar a sua vida.  

“Hoje em dia me dedico só às pipocas e vi nelas uma única forma de renda”, diz Fábio.

De volta a Cuiabá, o dentista se empenhou em montar uma boa cozinha para o produto, nos fundos da casa onde mora no bairro Dom Aquino. Fábio decidiu seguir a vocação no universo das pipocas, e encontrou possibilidades de inovar, criar e desenvolver novas técnicas, sabores e receitas. Dentre os sabores mais pedidos por seus clientes, estão os clássicos de ninho, nutellinho e trufado, entre outros.  

Diversidade de sabores mantém clientela

Sempre se aprimorando, Fábio transformou a produção das pipocas no sustento da família e abriu o Mr. Pop Pipocaria. 

“A definição de qual negócio investir é o principal fator que impede muita gente de tirar uma ideia do papel e colocá-la em prática. Tenha clareza nas metas e objetivos. Hoje em dia me dedico só às pipocas e vi nelas uma única forma de renda”, diz Fábio.

O dentista Fábio Augusto da Conceição, de 23 anos, se viu nesse momento crítico e encontrou na pipoca uma solução para seus problemas.

Contatos

(65) 99962-8102 e Instagram: @mrpoppipocaria

FONTE: https://www.reportermt.com.br/geral/dentista-cuiabano-dribla-desemprego-na-pandemia-e-vira-pipoqueiro-gourmet/117895

COMPARTILHE ESSE POST

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Feito por
⚙️