Sexta-Feira, 27 de Novembro de 2020

Exclusivo: Xuxa fala sobre maturidade, abuso, preconceito e filme polêmico

Em entrevista à repórter Renata Ceribelli, Xuxa Meneghel falou abertamente sobre a carreira, temas polêmicos e a maturidade aos 57 anos.

01/11/2020 21h50  Atualizado há 16 horas

Gaúcha de Santa Rosa, Maria da Graça Xuxa Meneghel surgiu como modelo no final dos anos 70. Aos 17, já tinha posado para mais de 50 capas de revistas no Brasil e fazia sucesso também no exterior. A carreira na TV começou no ínício dos anos 80. Em 1986 , estreou na Globo o primeiro programa infantil com seu nome: o Xou da Xuxa. Xuxa ganhou o título de Rainha dos Baixinhos. Virou ídolo de uma geração, no Brasil e no exterior. Por onde passava , arrastava multidões.

Com 37 milhões de espectadores em seus filmes, 30 milhões de discos vendidos e 28 anos como apresentadora, a vida privada e pública sempre se misturaram. Do namoro com Pelé e depois com Ayrton Senna, ao nascimento da filha Sasha. Em 2015, a apresentadora deixou a Globo e foi para a TV Record. Esta semana, ás vésperas do lançamento de seu novo livro, “Maya: bebê arco-íris”, Xuxa abriu seu coração sobre os momentos bons e difíceis de sua vida.

  • Na entrevista em vídeo, você vai ver:
  • Aos 01:24- Lançamento do livro “Maya: bebê arco-iris” – “A Maya veio para mostrar que Deus é amor”
  • Aos 04:03 – Abusos, livro de memórias e acerto de contas com o passado – “Ao invés de eu falar para as pessoas, eu tinha vergonha, me calava”
  • Aos 04:47 – Machismo – “Quando eu comecei a trabalhar, eles me viam assim, se sou loira, se sou modelo, sou uma prostituta”
  • Aos 06:13 – Preconceito – “Quando comecei a namorar o Pelé, teve uma época em que as pessoas falavam assim, tinha até uma piada, que diziam: qual é a diferença entre a a Xuxa e o chuchu? Que a Xuxa era comida de preto rico e chuchu era comida de preto pobre”
  • Aos 07:02 – Paquitas e padrão de beleza – “As paquitas, naquela época, estavam seguindo uma beleza que foi imposta”
  • Aos 08:06 – Filme polêmico – Amor, Estranho Amor – “Quem não viu o filme, por favor veja. Esse filme fala de uma coisa muito atual, que é a exploração infantil”
  • Aos 10:35 – Maturidade e beleza aos 57 anos – “A mulher olha pra mim e fala, nossa como a Xuxa tá velha. Acho que com a maturidade eu me aceito melhor”

FONTE: https://g1.globo.com/fantastico/noticia/2020/11/01/exclusivo-xuxa-fala-sobre-maturidade-abuso-preconceito-e-filme-polemico.ghtml

COMPARTILHE ESSE POST

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Com muito ❤️ por go7.site
⚙️