Sexta-Feira, 04 de Dezembro de 2020

Justin Bieber é acusado de estupro por duas jovens; Cantor nega e apresenta provas

O Dia

news41046-big.jpg

Durante o final de semana, duas mulheres usaram as redes sociais para acusarem Justin Biber de abuso sexual, em ocasiões diferentes, entre 2014 e 2015.

Após os relatos viralizem, o cantor usou sua conta no Twitter para falar sobre o assunto e dizer que era “factualmente impossível” o relato ser verdadeiro, mostrando fotos ao lado da ex-namorada Selena Gomez e recebidos de hotel, além de avisar que pretende “trabalhar com as autoridades para tomar ações legais”.

O primeiro relato foi de Danielle, que afirmou tomar coragem para falar após uma jovem denunciar Ansel Elgort na última sexta-feira.

“No dia 9 de março de 2014, eu fui abusada sexualmente por Justin Bieber. Justin estava com sua atual ex-namorada, Selena Gomez, em um show em Houston, Texas. Eu e outras duas amigas ouvimos que o Scooter Braun estava sediando um evento na ‘Banger’s Sausage House and Beer Garden’ naquele domingo à noite em Austin, Texas. Artistas como Cody Simpson, Tori Kelly, The Wanted e mais iam ao evento”, recordou.

A menina segue o relato dizendo que Bieber entrou no palco do “Scooter Braun Projects Sunday Funday Showcase” e que o cantor dedicou algumas músicas para Selena. Ela disse que um homem se aproximou dela e de suas amigas perguntando se elas gostariam de esperar para conhecer o cantor após o show. Danielle disse que conheceu Justin e que conversaram por cerca de vinte minutos, mas que não ia compartilhar as fotos daquela ocasião “por razões legais”. Ela seguiu contando que o cantor e um amigo teria convidado elas para o Hotel Four Seasons. “Novamente, nós dissemos sim. Não pensamos nada além de que iríamos passar um tempo com uma celebridade tão grande”, explicou.

Chegando ao hotel, Danielle disse que o amigo de Justin levou as amigas para um quarto enquanto ela e o cantor foram para outro. A jovem afirma que o celular teria sido tirado de perto dela e o cantor a pressionou para deitar com ele na cama, além de compartilhar um beijo.

“Nossos pequenos beijos viraram uma forte pegação. Ele me empurrou para a cama e depois de uns 10 minutos sentados, subiu em cima de mim e começou a beijar meu pescoço e descer até a barriga”, listou ela afirmando também que teria questionado onde estaria Selena.

Em seu relato, a mulher deixou claro que teria pedido para parar. “Então eu disse a ele que estávamos indo longe demais e que deveríamos parar porque eu precisava achar minhas amigas e, mais importante, porque eu me sentia culpada pela Selena”, disse.

“Eu estava muito desconfortável, falei parar porque eu estava preocupada com minhas amigas. Mas era tarde demais. Ele se forçou dentro de mim”, contou Danielle.

“Não quero entrar em detalhes sobre o que aconteceu depois. Isso foi seis anos atrás, eu era um ano mais velha que ele (ele tinha 20 e eu 21). Eu fui abusada sexualmente sem consentimento”, concluiu.

O relato viralizou nas redes sociais e motivou outra suposta vítima, Kadi, a acusar o cantor em um texto. Ela disse que após um encontro em seu quarto de hotel, Bieber a teria arrastado à força para a cama. “Ele me prendeu, puxou minha roupa para baixo e sua bermuda e me penetrou”, conta. “Eu empurrei ele e o chutei no meio das pernas e corri para fora do quarto”, completa.

A empresária de Bieber, Alisson Kaye, foi a primeira a se prounciar e disse Justin nunca esteve hospedado no Hotel Four Seasons naquela época. “Primeiro de tudo, eu quero dizer que uma acusação assim é algo que nós nunca levaríamos levemente, mas isso parecia exatamente como a acusação de Ansel Elgory, então ficamos um pouco desconfiados”, começou ela.

“Não precisamos dizer, mas precisamos ter certeza que os fatos aqui estão de acordo. Depois de um evento no dia 9 de março, Justin ficou em um Airbnb onde eu também estava hospedada. Qualquer reserva de hotel que tínhamos em Austin não começou até a noite seguinte, e foi no Westin, não no Four Seasons. Sinto muito que levou tanto tempo para eu responder, mas queríamos fazer isso de forma respeitosa e tratar com informações verdadeiras”, completou.

Depois de algumas horas, Justin usou o Twitter para se defender das acusações.

“Nas últimas 24 horas um novo Twitter apareceu e contou uma história sobre mim em um abuso sexual no dia 9 de março de 2014 em Austin, no Texas, no hotel Four Seasons. Eu quero ser claro. Não existe verdade nessa história. Na verdade, vou em breve mostrar que eu não estive presente nesse local”, se pronunciou. Com fotos de recidos de onde estava hospedado, com um pseudônimo que ele avisou que não usaria mais, e registro ao lado de Selena Gomez, o cantor fez uma sequência de tweets e avisou que vai “trabalhar com o Twitter e as autoridades para tomar ações legais”.

“Segundo a história dela dizia, eu fiz uma aparição surpresa em Austin no Sxsw onde apareci no palco com meu então assistente ao lado do palco e cantei algumas músicas. O que essa pessoa não sabia era que eu compareci ao show com minha então namorada Selena Gomez”, escreve e em seguida coloca o link de um artigo falando sobre a presença da cantora. Depois ele posta foto tirada por fãs mostrando que ele e Selena estavam andando juntos pelas ruas da cidade.

“Essas fotos mostram claramente eu no palco com meu assistente ao lado do palco e a outra com nós dois (Justin e Selena) nas ruas de Austin após, no dia 9 de março de 2014”, completou.

O cantor também usou alguns tweets de pessoa anônimas relatando que teria visto ele em algum momento.

“Além disso, eu fiquei com Selena e nossos amigos em um Airbnb no dia 9 e no dia 10 em um Westin porque nossas reservas no LA Quinta e não o Four Seans, foram bagunçadas. Aqui estão os recibos do hotel no dia 10”, explicou. Na foto aparece o nome de Mike Lowery, o pseudônimo usado pelo cantor.

Por fim, Bieber disse: “Toda acusação de abuso sexual deve ser levada muito a sério e é por conta disso que minha resposta era necessária. Contudo, essa história é factualmente impossível e por isso estarei trabalhando com o Twitter e as autoridades para tomar ações legais”.

FONTE: https://www.folhamax.com/curiosidades/justin-bieber-e-acusado-de-estupro-e-rebate/262388

COMPARTILHE ESSE POST

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Com muito ❤️ por go7.site
⚙️