Quarta-Feira, 16 de Junho de 2021

Miss Tangará da Serra(MT) faz brincadeira de cunho homofóbico e recebe crítica de seguidores; Ela disse num convite para sua Live “Quem não me assistir, é gay ou “bixinha”

Por: RHAYSSA CARVALHO

A miss Tangará da Serra, Ana Paula Kasper, se envolveu numa polêmica nas redes sociais nesta terça-feira (14) por utilizar de forma pejorativa os termos “gays” e “bichinhas” numa postagem na qual convida seus seguidores para participar de uma live (transmissao ao vivo). Na publicação no Instagram em que Ana Paula convida os contados para a “Live Miss Mato Grosso”, que ocorrerá na noite desta quarta (15), a moça escreveu que “quem não me assistir é gay ou bixinha”, o que causou a reação de muitos dos seus seguidores.

Miss Ana Paula

“Não aprovo tal conduta”, disse um dos seguidores. “Olha o que essa troxa (sic) publicou para os melhores amigos dela divulgando as entrevistas do Miss Mato Grosso”, reagiu outro seguidor. “É completamente fora de base uma miss, que tem visibilidade e função de influenciar a sociedade, fazer uma coisa assim. Nunca é só uma brincadeira”, argumentou um terceiro seguidor.

À reportagem Ana Paula informou que não achou que a publicação, feita para um número restrito de pessoas, tomaria a proporção que tomou. “Vejo uma pessoa que não tem o que fazer, que tem muita inveja. Até porque foi tudo uma brincadeira com uns amigos por causa de um vídeo que gravei para o Tiktok. Estamos passando por um momento tão delicado para as pessoas ficarem dando atenção para uma brincadeira como essa. Não fiz para denegrir ninguém e estou de consciência limpa”, afirma a miss Tangará.

 CONTRAPONTO

CONTRAPONTO

Para o vice-presidente da comunidade LGBT de Cuiabá, Clovis Arantes, a atitude da Miss Tangará é ofensiva. “Atitudes como essa de chacota e bulling estão que acontecendo em Mato Grosso são inadmissíveis”. Segundo ele, o que chama mais a atenção é que cerca de 90% das pessoas que trabalham nesse meio de concurso são LGBTQI+, como maquiadores, produtores e outros.

“Nós da comunidade LGBT de Cuiabá repudiamos essa atitude e pedimos aos responsáveis do concurso uma revisão ou até mesmo desclassificação da miss por atitudes homofóbicas”, frisou Clovis Arantes.

Já o coordenador do concurso Miss Mato Grosso, Warner Willon, declarou que vai aguardar um posicionamento oficial da candidata para se posicionar. “Não vou julgar, possivelmente alguém está tentando prejudicar a imagem dela. Isso acontece muito no meio dos concursos. Só iremos nos posicionar após a fala da Miss Tangará da Serra”.

LEIA MAIS: Após debochar de entregador e perder coroa de miss, modelo ganha novo título

OUTRO CASO

Em 2019, a miss Campo Novo do Parecis, Bruna Reis Figueiredo, publicou em suas redes sociais um vídeo no qual debochava de um entregador de comida de aplicativo que estava de bicicleta pelas ruas de Cuiabá. O vídeo foi publicado no Instagram da própria modelo. Ao ser compartilhado no Twitter, o vídeo atingiu mais de 200 mil visualizações.

“Eu não acredito. Está ruim para mim, está ruim para você, está ruim até para o Uber Eats. Olha isso daqui. Não é desmerecendo o trabalho do menino, mas é ai que você vê o porquê sua comida chega atrasada. A pessoa além de estar de bicicleta, está na marcha lenta, não está conseguindo subir a ladeira”, disse a jovem na publicação, enquanto dá gargalhadas.

Pela repercussão do vídeo Bruna Reis acabou teve o título de Miss cassado pela organização do evento.

FONTE: https://www.hnt.com.br/cidades/miss-tangara-faz-brincadeira-de-cunho-homofobico-e-recebe-critica-de-seguidores/177637

COMPARTILHE ESSE POST

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Com muito ❤️ por go7.site
⚙️